Uso de dados é a maior aposta do mercado publicitário em todo o mundo, aponta pesquisa

Avatar

Análise global traz novidades sobre o uso de dados em marketing e publicidade no Brasil e no mundo

Campanhas de marketing e publicidade orientadas por dados, as chamadas DDMA (data-driven marketing and advertising, em inglês), foram objeto de um estudo global feito pela GDMA e peloWinterberry Group em parceria com a MediaMath, uma das maiores empresas de marketing programático do mundo. A pesquisa revela que, no último ano, os profissionais de marketing brasileiros se basearam significativamente mais em dados para aprimorar a performance de suas campanhas que nos anos anteriores.

O estudo anual está em sua terceira edição e traz uma análise comparativa entre mais de 3 mil profissionais de 18 mercados que têm utilizado o DDMA, com dados recolhidos entre julho e outubro de 2016. No Brasil, 785 entrevistados entre provedores de serviços de marketing, incluindo serviços de dados e agências, profissionais de marketing e anunciantes, participaram da pesquisa “Análise Global de Marketing e Publicidade Orientados por Dados”.

Entre as revelações feitas pelos brasileiros, 36,9% dos profissionais de marketing no Brasil aumentaram significativamente os investimentos com marketing e publicidade orientados por dados, em comparação com 26,3% no ano anterior. Quase dois terços dos entrevistados esperam aumentar os investimentos com publicidade digital em 2017, de acordo com o Gartner. Isto mostra que os profissionais de marketing estão otimizando seus orçamentos para múltiplos canais e executando mais campanhas omnichannel para aumentar o ROI.

Os dados estão agora no centro de todas as atividades de marketing e publicidade. No Brasil, o avanço da prática de DDMA será potencializada principalmente pela Internet das Coisas (41,3%), avanços gerais em marketing analytics/segmentação preditiva (39,7%) e avanços gerais em métricas de marketing, mensuração e atribuição (36%).

No Brasil 53,3% dos profissionais de marketing dizem que eles ou seus clientes avaliaram ou iniciaram avanços em métricas de marketing, mensuração e atribuição, no intuito de impulsionar o marketing e publicidade orientados por dados. Dessa forma, eles serão capazes de otimizar os resultados ao invés de analisar métricas de baixa relevância para o negócio.

“Com dados inéditos e atualizados sobre o DDMA, o mercado de marketing e publicidade pode se beneficiar com estratégias que permitem alcançar ótimos resultados. Estamos satisfeitos por fazer parte deste desenvolvimento, e queremos contribuir cada vez mais para que os profissionais de marketing do Brasil e do mundo utilizem dados para oferecer uma melhor experiência para o consumidor e melhor retorno de seus investimentos”, afirma Mario Rubino, Country Manager da MediaMath Brasil.

Para ter acesso ao estudo completo, acesse: http://bit.ly/2k63zX4

In the news
Carregar Mais