Teads Brasil cria formato inédito de publicidade digital para campanha da Unilever

Disponível agora globalmente, o “InRead Flow” apresentou um viewability 57% acima do benchmarket

A equipe do Teads Studio para América Latina desenvolveu o formato inovador de display “InRead Flow” para campanha publicitária da Axe no Brasil, criada pela agência CUBOCC. A tecnologia, agora disponível e adotada globalmente por diversos clientes da Teads, permite interagir em tempo real com os consumidores em dispositivos móveis, sendo o primeiro formato publicitário onde o scroll-down na tela aciona diferentes ações.
“O InRead Flow nasceu de uma iniciativa do Teads Studio especialmente para a campanha da Axe. O uso de tecnologias avançadas em ambientes digitais faz parte do DNA de inovação e do compromisso da Teads em entregar soluções feitas sob medida para seus clientes”, diz Bertrand Cocallemen, Head do Teads Studio Latam.

Segundo dados e benchmarkets fornecidos pela MOAT, instituição de mensuração de resultados em tempo real, o criativo teve a exibição média de 5 segundos em tela, tempo altíssimo quando se trata de formatos display e rich media, alcançando um viewability 57% mais alto que a média global. “O scroll é parte essencial da experiência de navegação do usuário no meio digital. Criar uma peça que se integra nesse ambiente e interage com ele de forma sútil, é garantia de engajamento e altas taxas de visualização”, explica Coca.

Na campanha da Axe, um homem move a cabeça e olha para o usuário conforme ele passa pela imagem ou inclina o celular. É uma tecnologia que proporciona uma experiência inovadora e não invasiva à navegação dos usuários. O sucesso do InRead Flow foi imediato e a campanha de Axe se transformou em um case global de sucesso. O formato agora integra o portfólio de produtos da Teads e está disponível para campanhas de publicidade dos clientes da empresa no Brasil e no mundo.

“O InRead Flow virou sensação entre os clientes da Teads e tem sido muito utilizado em outras campanhas. Estamos sutilmente colocando o controle da peça nas mãos do consumidor e isso é um enorme atrativo na publicidade em vídeo”, conclui o executivo.

In the news
Carregar Mais