Teads aumenta consideração da marca Peugeot em 40% no Brasil

Estratégia de segmentação respondeu por 70% do tráfego gerado ao site da montadora francesa

A Peugeot Brasil escolheu a Teads, inventora do vídeo outstream e viewable marketplace #1 no mundo, para testar e descobrir o potencial de dois vídeos publicitários em gerar consideração para a marca e engajamento com os consumidores brasileiros dentro do ambiente premium online. Os resultados desafiam a noção de que vídeos mais curtos são sempre melhores, destacando como conteúdo e contexto impulsionam performance. O vídeo mais longo, focado em branding, gerou três vezes mais lift de marca do que o criativo focado em varejo.

Desafio

Utilizando dois materiais publicitários, um vídeo de branding com 1 minuto de duração – feito com base no documentário “Sinestésicos” – e um vídeo de varejo de 30 segundos, a Peugeot tinha como principal objetivo descobrir o potencial dessas peças em gerar consideração para a marca entre os consumidores no país.

Além disso, a montadora queria verificar a hipótese de um vídeo de branding ser mais efetivo do que o criativo de performance no que se refería a atrair e reter a atenção do usuário.

A estratégia utilizada pela Teads foi segmentar o público alvo de forma precisa e apresentar os vídeos em publishers premium, usando a visualização não-invasiva do formato inRead – publicidade entre parágrafos editoriais criada em 2011.

Resultados

Entre os meses de fevereiro e março de 2017, o vídeo de branding “Sinestésicos” – concepção da agência BETC/Havas – e o vídeo voltado para performance foram veiculados entre os publishers premiuns da rede Teads, trazendo um aumento significativo na interação com a montadora: em intenção de compra e engajamento emocional do consumidor.

“Usar a capacidade de segmentação da Teads nos ajudou a compreender e trabalhar nossa convicção de que, com o target bem definido, conteúdo certo e entrega adequada conseguimos trazer valor para a marca e entregar eficazmente nosso produto com seu unique selling proposition”, afirma Alessandra Souza, Gerente de Marketing da Peugeot. “Além disso, abrimos uma conversa mais autêntica com nossos públicos, confirmando a força do vídeo de branding com relação ao filme de varejo, que apresentou conexão significativamente menor com a audiência no momento da abertura desse diálogo”, completa.

Dentro dos 70% do tráfego gerado na campanha, o criativo de branding direcionou dez vezes mais pessoas ao site do que o filme de varejo, comprovando o valor estratégico da mídia na ampliação da consideração para marca e para o produto.

“Temos na Teads um parceiro estratégico que oferece ótimas soluções para o alcance dos objetivos de negócios dos clientes. Tanto pela sua capacidade de segmentação, quanto pelo uso de formatos diferenciados. Os resultados obtidos com a campanha da Peugeot, não apenas credenciam a força de um conteúdo de marca frente a uma oferta. Eles confirmam a nossa percepção sobre o poder do impacto em escala e relevância que a plataforma oferece”, afirma Thiago Fernandes, Diretor de Canais e Engajamento da agência BETC.

A Peugeot tem como pilar fundamental de seu posicionamento publicitário estar presente no ecossistema digital de forma não invasiva para o usuário, fator decisivo para escolher o formato InRead oferecido pela Teads em suas entregas. “Com outros parceiros não conseguimos ter a mesma assertividade de resultados. E essa consistência de dados foi fundamental para o nosso entendimento quanto às hipóteses que haviam sido levantadas na estratégia da campanha e tomada de decisões futuras”, conclui Alessandra.

Através dos parceiros de mensuração da Teads – Nielsen e MOAT – formou-se uma base sólida para assegurar confiabilidade, transparência e assertividade na entrega para a Peugeot. A pesquisa de brand lift da Nielsen apresentou três vezes mais consideração para o criativo de branding em relação ao vídeo de performance. Além disso, a campanha total apresentou um índice de 99.7% de tráfego humano e 92.2% de visualização da publicidade em tela, segundo métricas da MOAT – que tem padrões globais de 98% para tráfego humano e 64.9% para visualização em tela.

“A Teads quer mapear junto aos clientes quais são seus desafios de negócios, muito mais do que apenas construir uma estratégia pontual de campanha. Nossa visão é agregar valor como parceiro estratégico dos nossos clientes, construindo relações transparentes e de longo prazo. A Peugeot tinha um objetivo claro e com esforço mútuo foi possível entregar os KPIs que eles buscavam”, afirma Paulo Itabaiana, Diretor Comercial da Teads Brasil.

In the news
Carregar Mais