Segunda edição do Prêmio eSports Brasil 2018 reúne grandes nomes da indústria de esportes eletrônicos em noite de gala em São Paulo

Avatar

Gamers, personalidades e representantes da comunidade de jogos online acompanharam a premiação de Categorias Técnicas e Populares dessa crescente indústria no Brasil e no mundo

Apresentado por Nyvi Estephan e Fernanda Gentil, com shows de DJ Alok e repertório da Família Lima, a segunda edição do Prêmio eSports Brasil, que aconteceu nesta quarta-feira, dia 19, no auditório Simon Bolívar, no Memorial da América Latina, em São Paulo, parou a comunidade gamer e premiou 16 categorias, separadas entre Técnica e Popular na noite de gala. Mais de um milhão de votos online elegeu o Craque da Galera, Melhor Streamer, Melhor Jogo e Melhor Organização, das Categorias Populares. A segunda edição da maior premiação da América Latina para a comunidade e indústria de esportes eletrônicos é resultado da parceria entre a Unidade de Esporte do Grupo Globo e a Go4it, com apoio digital da VIU Hub e patrocínio oficial da Oi. O Prêmio reuniu 600 presentes no local.

A primeira fase de votação aberta ao público teve mais de 700 mil votos, e elegeu um finalista em cada Técnica, além de definir os três das Populares. A primeira categoria a ser premiada foi Rainbow Six, com o grande vencedor André Nesk Oliveira, também campeão mundial neste ano. O ganhador do Futebol Virtual, segunda categoria a ser premiada, foi Pedro Resende, que agradeceu a todos pelo feito e finalizou; “tenho certeza que foi fruto de muito trabalho.” A terceira categoria Card Games foi para Lucas “Rase” Guerra, finalista popular.

O melhor atleta de Dota 2 foi William “hFn” Medeiros. Em 2018, o Campeonato Mundial de Dota 2 reuniu cerca de 24 milhões de dólares em premiação. Em seguida, a seleção brasileira de Clash Royale foi chamada ao palco e recebeu uma singela homenagem. Apresentado pelo narrador de jogos eletrônicos e youtuber Gordox, direto da segunda tela, a categoria estreante neste ano, Mobile Games, ficou com Maick “NoMercy” Barbosa (Arena of Valor), também finalista por escolha popular.

O Atleta Revelação da noite foi para Luccas “Paluh” Molina (Rainbow Six). “Quero agradecer principalmente minha família e meu pai, que mesmo com idade, entende muito do jogo, e, claro todos que votaram em mim, pois o prêmio foi uma escolha do grande público. Agradeço a todos. Com um novo time, quero conquistar novos títulos;” completa Paluh.

Felipe “liko” Ruiz ficou com o prêmio de melhor atleta de Overwatch e com Matheus “dyNquedo” Rossini, o prêmio de número 1 de League of Legends. “Quero agradecer aos fãs, pois sem eles, nada disso estaria acontecendo. Agradeço também ao meu time, responsável por todo o nosso sucesso;” diz dyNquedo, famoso por sua “sarrada no ar”. Gabriel “Fallen” Toledo levou o troféu de melhor CS:GO e mandou seu recado por vídeo, já que não esteve presente na cerimônia.

O momento surpreendente da noite veio da volta do intervalo da transmissão do SportTV2, com uma apresentação artística da Família Lima, fazendo referência ao game Just Dance, com muitos recursos técnicos e alegria. Em seguida, o melhor atleta de Outras Modalidades foi para Diego “Kelazhur Schewimer (Starcraft 2) e Felipe Yoda, que vive o esporte eletrônico há sete anos, ganhou Personalidade do Ano. “Luto por isso aqui diariamente. Foram sete anos de muito esforço e tenho certeza que será muito mais;” finaliza Yoda, que também fez parte da organização do Prêmio.

Pelas Categorias Populares, Roberto Iervolino, representante da Riot Games, recebeu o troféu de Melhor Jogo, com League of Legends. Melhor Organização ficou com Black Dragons, e Nicole CherryGums, CEO da empresa, arrancou aplausos ao falar da importância e valorização do atleta nesta comunidade. Melhor Streamer foi para Neto “netenho” Cavalcante e Craque da Galera foi para o único representante em duas categorias (League of Legends e Craque da Galera), Felipe “brTT” Gonçalves, que joga pelo seu time de coração, Flamengo.

A hora mais esperada da noite foi a apresentação do destaque de 2018. Melhor Atleta de eSports do Ano finalizou o espetáculo com o vencedor “Nesk”, também ganhador de Rainbow Six.

As marcas Oi, patrocinadora máster, Samsung, também patrocinadora do evento, Domino´s e Reserva, parceiras do Prêmio eSports Brasil, estiveram presentes na arena. Um presente simbólico foi dado logo na chegada do Prêmio eSports Brasil aos ganhadores da primeira edição, em 2017. Até o final deste ano, a projeção de receita dessa indústria é de US$ 138 bilhões, segundo a consultoria Newzoo.

O SporTV2 exibiu o evento ao vivo, na TV e na Web, com ações simultâneas através do e-SporTV (canal do YouTube dedicado aos eSports). A cobertura em tempo real da segunda tela também entrou no sportv.globo.com, YouTube e na TwitchTV.

 

Confira abaixo os vencedores do Prêmio eSports Brasil 2018: 

CATEGORIAS TÉCNICAS

Rainbow Six

André “Nesk” Oliveira

Futebol Virtual

Pedro Resende

Card Games

Lucas “Rase” Guerra (escolha popular)

Dota 2

William “hFn” Medeiros

Mobile Games

Maick “NoMercy” Barbosa (Arena of Valor) (escolha popular)

Atleta Revelação

Luccas “Paluh” Molina (Rainbow Six) (escolha popular)

Overwatch

Felipe “liko” Ruiz

League of Legends

Matheus “dyNquedo” Rossini

CS:GO | Counter Strike

Gabriel “Fallen” Toledo (escolha popular)

Outras modalidades

Diego “Kelazhur” Schwimer (Starcraft 2)

Personalidade do Ano

Felipe “YoDa” Noronha (escolha popular)

CATEGORIAS POPULARES

Melhor Jogo

League of Legends

Melhor Organização

Black Dragons

Melhor Streamer

Neto “netenho” Cavalcante

Craque da Galera

Felipe “brTT” Gonçalves

Melhor atleta de sSports 2018

André “Nesk” Oliveira

 

Site oficial:

www.premioesportsbrasil.com.br

Redes sociais:

fb.com/premioesportsbr

twitter.com/premioesportsbr

instagram.com/premioesportsbr

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

In the news
Carregar Mais