Fernando Tassinari – Smartphones: a experiência do feed contínuo amplificada

Avatar

Por Fernando Tassinari

De acordo com o eMarketer, a maior porcentagem dos consumidores relata que usam smartphones para acessar conteúdos de notícias – e estamos vendo uma tendência similar para diferentes tipos de conteúdo também.

Conforme mais e mais audiências consomem conteúdo através de seus smartphones, é cada vez mais crucial entender a mentalidade móvel e otimizar seu site para que fique de acordo.

Estamos realizando testes para analisar o comportamento em relação ao feed contínuo e notamos alguns comportamentos específicos dos smartphones.

Leitores querem a experiência do feed contínuo em seus aparelhos móveis

Analisamos cerca de 500 publicações que implementaram o Taboola Feed e encontramos tanto um aumento na profundidade da sessão como diminuição na taxa de rejeição.

image.png

Embora os feeds contínuos tenham impactado o comportamento dos leitores de forma positiva tanto nos smartphones quanto no desktop, um impacto mais forte foi consistentemente percebido quando consumidores navegam em seus telefones celulares. Impacto significa a porcentagem na qual a taxa de profundidade da sessão e a taxa de rejeição mudam. Especificamente, a mudança na profundidade da sessão teve um crescimento de 32% e uma queda de 67% na taxa de rejeição para smartphones.

Muitos estudos psicológicos relacionados ao consumo através de smartphones apontam para três principais razões pelas quais os feeds contínuos têm um impacto mais forte em dispositivos móveis.

Nos sentimos mais próximos de nossos telefones do que do desktop, feeds são mais facilmente navegáveis em smartphones e funcionam melhor para períodos curtos de atenção, que são muito comuns na experiência móvel.

Nos sentimos próximos de nossos smartphones

Há algumas semanas, acordei pela manhã e percebi, para meu pavor, que meu celular não estava respondendo. Meu nível de ansiedade foi ao teto e comecei a procurar freneticamente por soluções e lojas da Apple perto do meu apartamento.

De acordo com os pesquisadores de tecnologia Thorsteinsson e Page, eu não sou o único. Estudos recentes mostram que a maioria dos usuários de smartphones experiencia ansiedade ou frustração quando estão impossibilitados de usar seus celulares – sobretudo porque desenvolvemos um forte apego emocional a eles.

Esse forte apego emocional se desenvolve conforme passamos mais e mais tempo com nossos celulares – agora supostamente gritantes 2 horas e 51 minutos por dia. Como dito no estudo de Thorsteinsson, isso nos faz sentir como se os aparelhos fossem uma extensão de nós mesmos por causa de sua personalização.

De acordo com uma análise dos últimos 6 meses, os consumidores preferem consumir conteúdo geral em seus smartphones, mas especialmente se os tópicos forem pessoais, como nas categorias de saúde e namoro.

image.png

O aumento na CTR para esses tópicos de exemplo no smartphone, em oposição aos dispositivos de desktop, sugere que as pessoas preferem consumir esses tópicos em seus celulares – talvez quando se trata de um tópico mais pessoal.

Feeds contínuos estão alinhados com a “experiência de rolagem com o polegar”

Telefones celulares são exatamente isso: móveis. Precisamos ser capazes de acessar conteúdo em movimento, e isso algumas vezes significa ter apenas uma mão disponível. Ter apenas uma mão disponível significa que estamos rolando com nosso polegar.

Feeds contínuos, que requerem uma experiência de rolagem muito simples, podem ser facilmente navegados com apenas um polegar.

Feeds contínuos são melhor para períodos curtos de atenção

image.png

Estar em movimento não afeta apenas a navegação online, mas também a quantidade de atenção que podemos dedicar a uma tarefa.

Seus leitores querem se entreter quando estão no ônibus esperando por sua parada, mas muitas vezes são multitarefas, precisando pagar a passagem ou prestar atenção no anúncio das próximas paradas.

Um estudo da Nielsen Norman Group descobriu que a duração média de uma sessão no desktop dura 150 segundos, e isso é mais que o dobro dos usuários de smartphones por conta das várias interrupções que enfrentam quando estão usando seus aparelhos.

Eles não têm tempo ou paciência para pesquisar conteúdo interessante, e eles precisam de um design que permita rápidas “recuperações” de interrupções.

Feeds contínuos são uma ótima plataforma para esses usuários porque nenhuma pesquisa é necessária e porque o design ordenado e o pequeno número de itens na tela facilitam a recuperação da interrupção.

Feeds contínuos são o futuro

As tendências que temos quando interagimos com conteúdos via smartphones tornam crucial dar ao usuário uma ótima experiência. É por esse motivo que muitas publicações estão usando o Taboola Feed no desktop e aparelhos móveis.

Taboola Feed recomenda o melhor conteúdo para usuários em um ambiente engajador, muito parecido com feeds de redes sociais.

Os usuários apreciam a experiência de rolagem familiar – eles participam de um feed contínuo que contém conteúdo patrocinado, conteúdo orgânico, vídeos patrocinados, além de cartões de terceiros, como nosso cartão meteorológico lançado recentemente.

Taboola Feed já foi implementado em publicações globalmente, incluindo o NY Daily NewsEuronewsBauer UKBTweather.com e muitas outras.

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

In the news
Carregar Mais