Com lançamentos e manifesto pela Festa Junina, Santa Helena se prepara para comemorações diferentes e fora de época

Avatar
Os lojistas podem melhorar os resultados previstos incrementando o e-commerce e explorando pontos de vendas, de acordo com a nova realidade de consumo

Com a expectativa de festejos virtuais e sazonalidade diferente, a Santa Helena anuncia para 2020 lançamentos e ações que prometem acalentar o coração das pessoas apaixonadas por Festa Junina, considerada uma das mais tradicionais do Brasil. Apoiada nos sabores mais recorrentes desses festejos, uma das novidades é o relançamento do pé de moleque crocante (com e sem açúcar). Outro produto que retorna em tempo limitado ao portfólio da companhia é a Paçoquita sabor Pamonha, que junto da Paçoquita Cremosa e da versão com Aveia, são as apostas do ano, em que será lançado o primeiro manifesto #JuntosNaJunina.

A iniciativa é uma forma de enaltecer o poder em unir pessoas que as juninas sempre tiveram e que durante a pandemia migra para o canal virtual, amparado em plataformas de comunicação e redes sociais. Para Tiago Garcia Leal, gerente de marketing e inovação da Santa Helena, indústria de alimentos especializada em produtos à base de amendoim, o festejo é tão forte na cultura nacional que em algumas localidades tende, naturalmente, a se estender até meados de agosto. Agora, a expectativa da empresa é que as comemorações aconteçam no último trimestre do ano.

“Eventos tradicionais do Nordeste foram remarcados para outubro, caso d’O Maior São João, de Campina Grande, um dos mais importantes do calendário junino. Em 2020, ele terminará só em novembro, mas em junho terá uma edição virtual”, ressalta Leal. Com essas mudanças, deve ser amenizada a queda nas vendas esperada para o setor, já que é o mais impactado por essa sazonalidade por conta do isolamento social.

“Na empresa, fizemos uma revisão das projeções e, diante do cenário atual, esperamos um resultado menor em 10% ao estimado no início do ano. Contudo, acreditamos que as festas juninas acontecerão agora no ambiente virtual e que, no futuro, serão uma oportunidade de reaproximar as pessoas”, pontua.

Outro aspecto favorável à companhia, mas que também pode ser aproveitado por empresas do varejo, é a possibilidade de aquecer as vendas de produtos característicos das festas juninas por meio de lojas virtuais. No Brasil, o e-commerce registrou um boom desde que o isolamento social foi estabelecido. Prova disso são pesquisas que apontam um crescimento das vendas on-line de vários segmentos, até mesmo de produtos alimentícios, com destaque para os snacks salgados. Na segunda semana de abril, o comércio virtual destes itens registraram um crescimento de 722%, segundo dados da empresa de tecnologia Criteo.

A Santa Helena também já registrou o aumento da demanda. “Lançamos a plataforma de vendas virtual para todo o Brasil no mês passado e, desde então, contabilizamos um aumento de 1.000% nas transações dos mais de 100 produtos disponíveis no canal”, conta Leal.

Para os lojistas do varejo tradicional, de acordo com Breno Carvalho, gerente de trade marketing da Santa Helena, uma estratégia para melhores resultados, mesmo nesse momento de maior cautela e economia, é adaptar as execuções à nova trajetória e costumes dos consumidores. “Explorar com capricho a exposição de produtos na entrada e saída da loja é uma forma de impulsar as vendas. Outra recomendação é ter como estratégia o cross merchandising, ou seja, dispor em um mesmo local itens que tenham relação direta de consumo entre si. Uma boa forma de fazer isso é atrelar os produtos juninos aos de categorias essenciais e de alta procura.”

Apostar nos novos tempos e oferecer praticidade ao cliente, indicam Leal e Carvalho, é uma forma de preservar, na medida do possível, as juninas deste ano, aproveitando o vínculo emocional e cultural desse festejo tão brasileiro.

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

In the news
Carregar Mais
%d blogueiros gostam disto: