Arte no ambiente corporativo: além de inspiração, traz sensação de aconchego e descontração

Avatar

O ambiente corporativo que por muitos anos foi conhecido por ser frio e impessoal e, em diversos casos, ainda é composto por cores sobreas e formais, vem ganhando um novo formato nos últimos tempos. Cada vez mais as grandes agências e empresas vêm fugindo do clima sério e formal, passando a estimular a inspiração de seus funcionários através de espaços planejados com intervenções artísticas.

Segundo estudos, a presença de arte e cores aumenta a produtividade, a criatividade e, de quebra, ainda ajuda a combater o stress. “Elas são capazes de reproduzir a personalidade de quem ocupa o local, dando uma sensação de aconchego e bem-estar”, conta Victor Barros, fundador da Dionisio.Ag.

Outra tendência são as salas de convivência e relaxamento, também conhecidas como espaços de descompressão. “Estes locais possibilitam que a equipe interaja entre si e recarregue as energias. A intervenção artística deixa tudo mais alegre e motiva os funcionários”, completa Victor.

A personalização de ambientes corporativos é uma das demandas que mais vêm aparecendo para a Dionisio.Ag. Nestes casos, a agência oferece diversas oportunidades para estes espaços através da inserção de quadros, esculturas, pintura de paredes internas ou até mesmo a personalização de ambientes inteiros, como lounges e living rooms.

Somente em 2019, por exemplo, a agência entregou intervenções artísticas na empresa Mercado Eletrônico, focada no comércio B2B em e-commerce, e no Planeta das Noivas, uma empresa especializada no mercado de acessórios para casamentos. “Nestes jobs, além da Dionisio.Ag ficar responsável pela curadoria levando a dupla Lanó para o Mercado Eletrônico e o Coletivo Medusa para o Planeta das Noivas, também cuidamos de toda a parte de produção, pós-produção, logística e atendimento ao cliente”, conta Victor.

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

In the news
Carregar Mais